Pesquisar este blog

30 de mar de 2017

Bruno Fazzolari Feu Secret - Fragrance Review


Português (click for english version):

Não é de hoje que a Iris encanta a humanidade. Com seu nome original derivado de uma Deusa da mitologia grega responsável pelo arco-íris e por trazer as mensagens dos deuses à humanidade, a Iris também foi um material nobre na civilização egípcia e um importante e raro elemento em preparações de alquimia e em poções com diversos propósitos. Na modernidade, a iris é um material nobre cuja as raízes dependem de pelo menos 3 anos de secagem e armazenamento para que desenvolvam seu perfil aromático. Do ponto de vista olfativo, a composição química dessa raiz é interessante da forma que apenas seus elementos químicos presentes de forma conjunta conseguem passar sua complexidade de nuances secundárias.

Na perfumaria é muito comum que se utilizem sintéticos, em especial iononas, para criar um perfil de iris que as vezes emula seu aspecto mais atalcado, outras vezes seu lado adocicado e conectado com a violeta e em outras vezes seu lado mais amadeirado e seco. É raro porém os que usam a materia-prima natural devido ao seu alto custo e ao seu lado mais terroso, metálico e frio, nem sempre tão fácil de balancear. Mas em Feu Secret Bruno ousa usá-la e consegue encontrar um ponto de equilíbrio para tão nobre material.

É interessante que a chama que a iris me evoca é de uma tonalidade azul, a princípio parecendo fria. O aspecto mais seco e terroso e que remete a cenoura é logo evidente na saída de Feu Secret, entretanto o uso de notas mentoladas ajuda a suavizar esse aspecto mais difícil da nota. É interessante que Bruno utiliza algum sintético ou natural que combinado a iris traz a tona um lado secreto dela, sua capacidade de nas proporções corretas lembrar ao cheiro verde de folhas de figo. Essa impressão mais verde terrosa abre espaço para um aspecto powdery bem discreto e que acaba sendo sobreposto pela base mais amadeirada e seca da composição, onde o cedro em especial ajuda a trazer para o primeiro plano o aspecto mais amadeirado da iris. Como um todo, Feu Secret tende para uma misteriosa composição masculina de uma aura aconchegante, duradoura e bem atraente. É um trabalho certeiro de harmonização de um material nobre em uma estrutura usável e agradável.

English:

It is not from today that Iris enchants humanity. With its original name derived from a goddess of Greek mythology responsible for the rainbow and for bringing the messages of the gods to mankind, Iris was also a noble material in Egyptian civilization and an important and rare element in alchemy preparations and potions with different purposes. In modern times, the iris is a noble material whose roots depend on at least 3 years of drying and storage to develop its aromatic profile. From the olfactory point of view, the chemical composition of this root is interesting in the way that only its chemical elements present together can pass its complexity of secondary nuances.

In perfumery it is very common to use synthetics, especially ionones, to create an iris profile that sometimes emulates its most powdery aspect, sometimes its sweet side connected with violets and at other times its woody and dry side. It is rare, however, for those who use the natural raw material because of its high cost and its more earthy, metallic and cold side, not always so easy to balance. But in Feu Secret Bruno dares to use it and manages to find a balance for such noble material.

It is interesting that the flame that the iris evokes to me is of a blue tonality, at first seeming cold. The driest, earthy carrot aspect is evident from the Feu Secret opening, though the use of menthol notes helps soften this harder aspect of iris. It is interesting that Bruno uses some synthetic or natural that combined the iris brings out a secret side of it, its ability to in the correct proportions remember the green smell of fig leaves. This earthy greener impression opens the way for a very discreet powdery aura that ends up being superimposed on the woody, dry basis of the composition, where cedar in particular helps bring the most woody aspect of the iris to the foreground. As a whole, Feu Secret tends towards a mysterious masculine composition of a cozy, long-lasting, and attractive aura. It is a matching accurate work of a noble material in a wearable and pleasant structure.