Pesquisar este blog

19 de out de 2016

Bvlgari Le Gemme Maravilla e Amarena - Fragrance Reviews


Bvlgari Maravilla

Diferente das pedras preciosas anteriores que refletiam de forma bem direta a relação da cor da pedra com o aroma, em Maravilla isso é atingido mais por meio de uma textura do que por aromas que comunicam a cor amarela. A Pedra homenageada essa vez é o Citrino, que segundo a marca é uma pedra preciosa luminosa, associada com os raios solares da manhã e com uma sensação mental positiva e de boas vibrações. Isso se converte em termos de aroma em uma tentativa de um chypre solar, algo que dê maior ênfase a parte floral e luminosa de um chypre. Na pele, Maravilla soa entre o chypre de 31 Rue Cambon, só que sem aldeídos, e o aroma de patchouli e couro do Bottega Veneta. As sensações são compactas, então as duas impressões convivem juntas - você percebe rápido o cítrico luminoso, as flores, e a base chypre com nuances de couro. Diferente de uma manhã ensolarada, porém, Maravilla rapidamente se torna um sussurro, com a ênfase na parte mais brilhante a aberta da ideia comprometendo a evolução na pele, o que gera algo decepcionante para um perfume exclusivo e de seu patamar de preço.


Bvlgari Amarena

Toda coleção tem um membro que se destaca como o mais fraco conceitualmente e Amarena cumpre esse papel. Até mesmo o conceito parece trabalhado de forma bem ralo pela marca: fala-se que a turmalina rosa é uma pedra encontrada no Brasil associada ao amor e ao prazer. Diz que ela trás as cores, sons e a exuberância do Brasil mas não explica como. O nome e a pedra estão claramente associados pela cor, e o perfume tenta amarrar isso com um aroma de cerejas amargas em combinação com rosa e tuberosa. Na prática, as cerejas não duram muito além da saída e se mostram genéricas depois na pele. O perfume desenvolve uma acorde floral estranho, algo que remete a orquídeas e a fita adesiva. Em um momento final, encaminha-se para um floral genérico antiquado, algo que poderia estar em um talco perfumado de farmácia. Há um aspecto interessante de musks e iris/violetas, mas esse simplesmente não projeta da pele a não ser que a temperatura corporal se eleve razoavelmente. É um conceito na minha opinião mal executado e ralo para uma fragrância exclusiva tão cara.