Pesquisar este blog

7 de jul de 2016

Ralph Lauren Polo Supreme Oud - Fragrance Review


Português (click for english version): 

Vejo na grife de roupas Ralph Lauren uma postura mais conservadora quanto a exploração de novas tendências, tanto para o público masculino quanto para o feminino. Por isso, não é surpresa que apenas após várias grifes terem pulado para dentro da moda Oud que a a marca então resolveu lançar sua primeira criação com essa temática que tanto agrada o público árabe e que ganhou força também em outros mercados.  Talvez o momento não seja o do ápice dos perfumes de agarwood, mas também não estamos ainda no declínio.

Gosto de como conceitualmente a temática do Agarwood foi trabalhado pela marca e pelo perfumista, pondo o acorde que recria a preciosa e cara resina no centro porém trabalhado de uma forma mais abstrata e completa ao redor dele. O Oud assim ganha um caimento bem cortado, sem ser espalhafatoso, algo que perdura de uma maneira um pouco linear como se esperaria de uma inspiração árabe mas evidencia um certa progressão mais típica da perfumaria ocidental talvez.

Supreme Oud abre com um acorde adocicado e especiado, algo que remete a uma canela em pó que explora a doçura dessa especiaria mas não a torna ardida ou sufocante na pele, recebendo suporte do aroma fresco, quente e levemente frutado da pimenta rosa. O aroma de agarwood aparece seco, amadeirado e herbáceo, com toques almiscarados e é possível perceber que a planta cypriol é grande responsável por essa impressão de oud. Aos poucos, percebe-se um lado mais atalcado e quente e um aroma incensado bem interessante, como se a madeira de oud estivesse sendo queimada para liberar sua resina aromática no ambiente. Em uma última fase, Supreme Oud mostra uma base sofisticada que mistura um amadeirado mais seco de vetiver e a dualidade da doçura e aroma defumado da madeira de guaiac.

Enquanto muitas criações de Oud se mostram ásperas na forma como exploram materiais sintéticos potentes, Supreme Oud favorece principalmente a harmonia e abstração na forma que evolui. Seu cheiro nunca se mostra exagerado e nem sutil demais e tem a duração boa que se espera de uma composição de Oud. Ainda que não traga novidades nas combinações, ele esmera-se em entregar uma temática amadeirada spicy de muito bom gosto e coerente do começo ao fim.

English:

I see in the apparel brand Ralph Lauren a more conservative approach in the explorantion of new fragrance trends, both for the male audience as for the female one. So it is not surprising that after several brands have jumped into the Oud fashion that the brand then decided to launch his first creation with this theme that pleases the Arab public so much and has gained strength in other markets. Perhaps the time is not the apex of agarwood perfumes, but we are not in decline either.

I like how conceptually the theme of Agarwood has been worked by the brand and the perfumer, putting the accord that recreates the precious and expensive resin in the center but worked in a more abstract  and complete manner. The Oud thus gains a well-cut trim, without being fussy, something that lingers in a somewhat linear fashion as one would expect from an Arabic inspiration but shows a somewhat more typical progression of Western perfumery maybe.

Supreme Oud opens with a sweet and spicy impression, something that refers to a cinnamon powder that explores the sweetness of this spice but does not make it too hot or suffocating the skin, receiving support from the fresh, hot and slightly fruity pink pepper. The agarwood aroma appears dry, woody and herbaceous, with musky overtones and you can see that the cypriol plant is largely responsible for this oud impression. Gradually, one sees a more powdery and warm side and intereting incensed nuances, as if the oud chips were being burned to release its aromatic resin in the environment. In a final stage, Supreme Oud shows a sophisticated base mixing a drier woody vetiver and the duality of sweetness and smoked aroma of guaiac wood.


While many creations of Oud show  a roughess in the way the work powerful synthetic materials, Supreme Oud mainly favors harmony and abstraction as it evolves. Its smell never shown neither  exaggerated nor too subtle and has good length that is expected of a composition of Oud. Although it does not bring in new combinations, its excels in delivering a woody spicy  thematic that is very good and consistent from beginning to end.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com relação a postagem? Escreva aqui
Comments related to the post? Write them here