Pesquisar este blog

11 de abr de 2016

Pour Un Homme de Caron Sport - Fragrance Review


Português (scroll down for english version): confesso que estava desconfiado e até mesmo um pouco cético quando soube que a tradicional casa francesa Caron lançaria uma versão Sport de um dos seus maiores clássicos de todos os tempos, a bela e rica lavanda adocicada do Pour Un Homme. Pensava eu, teria a casa se vendido aos modismos da perfumaria masculina das últimas duas décadas? Estaria lançando assim uma daquelas composições funcionais e sintéticas, no mau sentido, que nada combinam com o perfil aristocrático e refinado da marca?

O fato é que surpresas acontecem e a melhor coisa que tem é quando somos surpreendidos de forma positiva com um perfume. O trabalho de modernização feita na clássica lavanda do Pour Un Homme em nada o desmereceu o banalizou; pelo contrário, trouxe-lhe nova vida em uma nova direção. E ainda foi capaz de explorar de forma bem original a temática esportiva.

Muitos conhecem o perfil agradável e relaxante do aroma da lavanda e também suas propriedades de limpeza. O que poucos sabem é as propriedades analgésicas e cicatrizantes da lavanda e seu caráter mais regenerativo - perfeito para ser explorado em um perfume a ser utilizado após a prática esportiva. Essa intenção apenas se confirma pela escolha dos outros ingredientes. A Verbena limão é utilizada pelo seu aroma cítrico e levemente adocicado ao mesmo tempo que tem propriedades anti-inflamatórias e calmantes. O gengibre também se mostra evidente na composição, com um aroma especiado fresco, que ressalta as nuances cítricas do gengibre. A raiz também é conhecida, assim como a lavanda e o a verbena, por propriedades anti-inflamatórias. A ligação mais forte com o tradicional aroma pode ser observada por nuances levemente orientais que vão surgindo conforme o perfume evolui na pele. A base não é dominada pela doçura, mas possui toques de baunilha, tonka e resinas em meio a um aconchegante musk.

Percebo assim um perfume que não me parece feito apenas para proporcionar uma refrescância de qualidade, natural e sem fazer menção a aromas aquáticos ou uma lavanda fresca de caráter duvidoso. Estamos diante de uma composição que claramente se mostra com propriedades aromaterápicas, ainda que a marca não explore isso. É um perfume Sport feito para fazer jus a herança de Pour Un Homme e da Caron ao mesmo tempo que é uma composição bem agradável e fácil de usar. Uma raridade, um perfume sport com inteligência e conteúdo.

English:

I confess I was suspicious and even a bit skeptical when I heard that the traditional French house Caron would launch a Sport version of one of their greatest classics of all times, the beautiful and rich sweet lavender of Pour Un Homme. I thought, would have the house sold itself to the fads of the male fragrance of the past two decades? It would thus launching one of those functional and synthetic compositions, in the bad sense, something that wouldn't match the aristocratic and refined profile of the brand?

The fact is that surprises happen and the best thing we have is when we are surprised positively with a perfume. The modernization work done in the classic lavender of Pour Un Homme in nothing detracted or trivialized it; on the contrary, it brought him new life in a new direction. And it was still able to explore in an original way the sports theme.

Many know the pleasant and relaxing lavender aroma profile and also its cleansing properties. What few know is the pain-relieving and healing properties of lavende  - perfect to be explored in a perfume to be used after exercise. This intention is confirmed  by the choice of other ingredients. Verbena Lemon  is used for its citric and slightly sweet aroma while having anti-inflammatory and soothing properties. Ginger also shows clearly in the composition, with a spicy fresh aroma, which highlights the lemon nuances of ginger. The root is also known, as lavender and verbena, for anti-inflammatory properties. The strongest link with the traditional scent can be observed by slightly oriental nuances that arise as the fragrance evolves on the skin. The base is not dominated by sweetness, but has hints of vanilla, tonka and resins amid a warm musk.


Thus I realize a scent that it not made only to provide a quality freshness, a natural without making mantion to synthetic aquatic aromas or fresh lavenders of questionable characeter. We are smelling a composition clearly shows with aromatherapic properties, although the brand does not explore it. Sport is a fragrance made to live up to the legacy of Pour Un Homme Caron and at the same time it is a very nice and easy to use composition. A rarity, a sport perfume  of intelligence and content.