Pesquisar este blog

6 de jul de 2015

Mendittorosa Odori d'Anima Alfa Fragrance Review


Português (scroll down for english version): para mim, se interessar por uma determinada marca de perfume é como se interessar por uma pessoa - seja para amizade ou seja para se apaixonar. Apesar de esse ser um processo consciente em ambos os casos, há um fator intuitivo, uma afinidade muitas vezes difícil de explicar ou de ser transformada em palavras. Você apenas percebe que, por algum motivo, algo fala com você antes que você tenha tido chance de entender o motivo. Com Mendittorosa foi assim, um processo meio inconsciente de atração que culminou na chance que tenho agora de testá-los e assim comprovar e tentar entender o motivo desse interesse.

Em partes, para mim já é claro esse motivo: a marca criada pela italiana Stefania busca, na minha opinião, unir os mundos da perfumaria comercial, de nicho e artesanal ao utilizá-los de diferentes maneiras na concepção de suas criações. Os perfumes da Mendittorosa me passam uma impressão profissional ao mesmo tempo que suas embalagens e frascos possuem algo de artesanal, como pequenas obras de arte, conceitos charmosos a serem explorados e entendidos, conceitos que buscam acima de tudo serem acessíveis e fiéis a si mesmo.

Alfa é o início da trilogia e do universo da marca em 2011. Como início, há algo de extremamente puro e delicado em seu aroma, que me remete a ervas provençais, pétalas de flores, incenso de aroma delicado e musks levemente carnais. De fato, Alfa é simples e talvez contradiga a visão de um início explosivo e caótico, já que ele parece emanar um início de forma quente, delicada e harmoniosa na pele. Há algo de levemente salgado, verde e mineral em seu aroma, que as vezes toma a forma de açafrão e as vezes me remete a um sussurro de um aroma de rosas verdes a desabrochar

O início de Alfa é convidativo e delicado, de certa forma uma segunda pele de incenso, almiscar, ervas provençais e flores que usualmente são sensuais mas que aqui aparecem relaxadas em seu aroma.. É um início que me convida a uma exploração generosa, que me faz pensar numa concepção moderna de uma colônia italiana tradicional.Simples, harmônico, charmoso e acessível ao mesmo tempo.

English:

For me, an interest in a particular brand of perfume is like an interest in a person - whether for friendship or to fall in love. Although this is a conscious process in both cases, there is an intuitive factor, an affinity often difficult to explain or be transformed into words. You just realize that, for some reason, something speaks to you before you have had a chance to understand why. It was that way with Mendittorosa ,  an attraction unconscious process that culminated in the chance I have now to test them and thus prove and try to understand the reason for this interest.

In part, for me it is already clear this reason: a brand created by Italian Stefania seeks, in my opinion, to unite the worlds of commercial perfumery, niche and artisan to use them in different ways in the design of their creations. Mendittorosa creations pass me a professional impression while its packaging and bottles have something handmade, like little works of art, charming concepts to be explored and understood, concepts that aim above all be reachable and true to themselves.

Alfa is the beginning of the trilogy and the universe of the brand in 2011. As a start, there is something extremely pure and delicate in itsscent, which brings me to provencal herbs, flower petals, delicate aroma of incense and lightly carnal musks. In fact, Alpha is simple and perhaps contradicts the vision of an explosive and chaotic beginning, since ir seems to emanate an early warm, delicate and smooth skinscent. There is something slightly salty, green and mineral in its aroma, which sometimes takes the form of saffron and sometimes brings me to a whisper of a scent of green roses blooming

The start of Alfa is inviting and delicate in a way a second skin of incense, musk, Provencal herbs and flowers that are usually sexy but here appear relaxed in her scent . It is a beginning that invites me to a generous application and which It makes me think of a modern interpretation of an Italian traditioinal cologne. Simple, harmonious, charming and approchable at the same time.