Pesquisar este blog

13 de jul de 2015

Francesca Dell'Oro White Plumage Fragrance Review

Disponível na loja First in Fragrance

Português (scroll down for english version): na minha lista de palavras que me arrepiam quando eu vejo listadas, white está logo atrás de animálico, aquático e sport. Temáticas de perfume centradas nesses descritores são um desespero para mim pois animálicos eu detesto e aquáticos, sport e white quase sempre são conceitos banais que giram ao redor das mesmas notas e mesmas estruturas - ao sentir um ou dois, você praticamente sentiu todos daquela família. Abro uma exceção para white plumage, que apesar de não ser um perfume inovador é muito bem executado e adequado a textura que seu nome pretende passar.

A impressão que eu tenho ao provar o primeiro dos perfumes de Francesca Dell'Oro é que a italiana, proveniente do mundo da moda, me parece coletar tendências do que a inspira e dar a sua cara a elas. White plumage começa pela parte óbvia, a textura acetinada, cremosa e levemente adocicada da mistura de musks conhecida por musks brancos. O que o diferencia, entretanto são os detalhes, a construção de um acorde que gravita entre um aroma amadeirado também cremoso, as vezes áspero, e um aroma de incenso presente do começo ao fim.

É interessante como o acorde de incenso também é construído sob esse véu branco, um incenso clean, levemente esfumaçado, um pouco mentolado talvez. A ele as vezes percebo misturado um aroma floral de jasmim, um cheiro herbal fresco, que me remete a seiva de planta, e um toque especiado seco também. Entrelaçado ao incenso está o aroma de sândalo, entre a cremosidade da variedade indiana e o aroma mais seco, que remete a cedro, da variedade australiana. E como a evolução do perfume foi bem construída, os musks não soam banais e só se tornam realmente evidentes bem no final da evolução na pele.

Apesar de White Plummage refletir o tom íntimo, discreto e elegante da cor que o nomeia e a textura das plumas, é um aroma segunda-pele mais encorpado e evidente do que esse tipo de composição costuma ser. É uma criação confortável de usar, casual talvez pela temática escolhida mas eficiente na forma como os elementos escolhidos são construídos e balanceados.

English:

On my list of words that shiver when I see, white is right behind Animalic, watery and sport. Perfume thematic focus in these descriptors are a desperation to me because I hate animalic and water, sport and white are often banal concepts that revolve around the same notes and the same structure - after you feel one or two, you almost felt all of that family. I'll open an exception for white plumage, which although not an innovative scent is very well executed and appropriate texture to the name it wants to convey.

The impression that I have in my prove of the first  Francesca Dell'Oro perfume is that the italian lady, from the fashion world,  seems to collect trends that inspire and give  her personality  to them. White plumage begins with the obvious part, the satin texture, creamy and slightly sweet mixture of musks known for white musks. What sets it apart, however, are the details, the construction of an aroma that gravitates between a woody creaminess texture, sometimes also dry, and a present scent of incense from beginning to end.

It's interesting how the incense is also built on this white veil like a clean incense, slightly smoky, slightly minty maybe. To it sometimes it seems mixed  a floral jasmine aura and a cool herbal scent, which brings me to sap plant impression, and also a dry spicey a touch. Interlaced is the incense sandalwood aroma, between the creaminess of Indian variety and the driest aroma, which refers to cedar, the Australian variety. And as the evolution of perfume was well built, the musks do not sound banal and only become really apparent at the very end of evolution in the skin.

Although White Plummage reflect the intimate tone,the discreet and elegant color the names it  and the texture of the feathers, it is a more full-bodied and clear second-skin aroma of than this kind of composition often is. It's an easy to wear fragrance,  perhaps due the casual theme chosen but efficient in the way the parts were chosen, constructed and balanced.