Pesquisar este blog

10 de mai de 2015

Eudora S.Excès Homme Fragrance Review


 A primeira coisa que me veio a cabeça assim que apliquei S.Excès Homme na pele foi a impressão de que se essa fórmula fosse vendida como um perfume de nicho ou exclusivo e bem mais caro com certeza traria atenção. Cada vez mais tenho percebido que o resultado final de um perfume é uma soma de ações que envolvem frasco, preço, publicidade, posicionamento e o cheiro em si também, o que me faz pensar que perfumaria comercial hoje em dia é o que é não pois não é possível produzir bons perfumes a preços acessíveis, mas sim por ser mais cômodo ou rentável. Saindo da divagação e voltando ao perfume, S.Excès Homme é mais centrado no acorde de oud do que o seu parceiro feminino, mas ambos estão ligados como um casal por um aroma adocicado. A nuance de violetas de iris do feminino assume para mim a forma de folhas de violeta no masculino e a doçura do chocolate e baunilha do feminino é trocada por uma doçura mais comedida de resinas. Couro e oud são de fato as duas grandes estrelas da criação, um aroma de couro mais seco, sintético misturado ao cheiro medicinal, amadeirado e com nuances de incenso do oud. O patchouli aqui me parece mais discreto, não percebo uma doçura proveniente dele que nem no feminino, mas percebo um aroma especiado mais denso no masculino logo após a impressão de oud e couro da saída. S.Excès Homme me parece de alguma forma mais linear em relação ao feminino, tudo gira em torno das principais notas, evolui de forma secundária, de forma que você não nota grandes sobressaltos ou transformações em seu cheiro. Para mim, é uma excelente criação de couro e oud, equilibrada, rica e com ótimo preço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com relação a postagem? Escreva aqui
Comments related to the post? Write them here