Pesquisar este blog

12 de abr de 2015

En Voyage Perfumes Fiori di Bellagio Fragrance Review



Português (scroll down for english version):

Os tempos conhecidos como os anos dourados da perfumaria podem até terem passado já, mas ao passar na pele essa criação da marca artesanal En Voyage eu me sinto como se tivesse voltado no tempo, numa época em que, segundo a minha interpretação, a moda parecia mais séria porém chic e o luxo refletia cada aspecto de um produto feito.

Apesar do tema central dessa criação ser uma flor de cravo, como os perfumes da época, eu vejo que esse p
arece um daqueles relógios finos cheios de pequenas engrenagens girando de forma harmoniosa em segundo plano. Eu percebo um leve aroma verde, cítrico, que me remete vagamente a botões de rosas e possui algo distantemente relacionado a pepino também. O aroma da flor de cravo aqui é quente, picante, sensual enquanto reflete de forma moderada as diversas flores que se misturam a ele: por alguns momentos você percebe um tom frutal floral típico de gardênias, em outros você observa o aroma, também frutal porém rementendo a bananas, do ylang.

Em outros momentos o cheiro do jasmim se mistura ao das rosas para apoiar o aroma quente e atalcado da flor de cravo. O aroma da madeira de pau-rosa parece ser um elo de ligação entre todas as flores, considerando que as flores e essa madeira possuem em comum o cheiro doce e levemente floral do linalool, que arredonda as arestas da composição para mim e dá cadência as várias flores consideradas aqui.

Acho que a base é o momento onde Fiore se mostra mais moderno, pois em sua aura resinosa ele destaca uma baunilha adocicada e madura, que confere uma cremosidade perfeita para a história que se desenrola até esse momento. As vezes também percebo durante a composição um ar animálico bem sutil, um tom quente, levemente salgado, almiscarado, como se esse fino exemplo de sofisticação tivesse ares mais carnais que te convidassem a uma experiência mais erótica porém intimista.

É um belíssimo perfume, de evolução redonda, algo que não me parece barato de ser feito e nem tão fácil de ser equilibrado. Para os que sentem saudades da época de ouro, vale a pena tentar matar um pouco dela utilizando esse aqui.

English:

he times known as the perfumery golden years might have passed, but when I dabbed into my skin this artisanal EnVoyage creation I felt like I have gone back in time into an era where, according my interpretation, the fashion seemed more serious but still chic and the luxury was reflected in every aspect of a product made.

Although the central theme here is carnation flowers this one seems to me, like the scents of the 20's, to look like one of those expensive watches full of little gears turning in a harmonious way at the background. On Fiore di Bellagio I notice at first a green and citrus aroma that vaguely reminds me of rosehips at the same time it seems loosely related to cucumber (an impression that it doesn't last, so don't be scared). The carnation here is typical, warm, spicy, powdery, sensual and at the same time it reflects in a moderate way the several flowers that are mixed into it: for some moments you notice a fruity floral thing which is typical of gardenias, in others you notice an also fruity aroma, but this time related to the banana edge you find in ylang.

In other moments, the jasmine smell seems to mixture with the rose impression of the opening to back the spicy and powdery carnation aroma. The rosewood use here seems to be a link between all the flowers, considering that both have in common the sweet and slightly flowery linalool chemical that rounds the edges in the composition and gives rhythm to the flowers mentioned.

I think that the base is the moment where Fiore seems a more modern because its resinous aura gives a bigger highlight to a creamy and adult vanilla that gives the perfect touch to the aromatic history that has been unfolding until this moment. Sometimes, through the evolution, I also notice a slightly animalic aura which is hot, a little bit musky and salty, as if this perfect exquisite sophistication example had a more carnal aura which invites you to an intimate erotic experience.


This is a very beautiful perfume, of rounded evolution, something that doesn't seem cheap to be made and not easy to be balanced neither. To the ones that miss the gold times, it's worth trying to satisfy the nostalgia wearing this one.