Pesquisar este blog

4 de mar de 2015

Sospiro Parfums Duetto Fragrance Review

 Não tenho o que falar desse, é mais um perfume de agarwood e rosas em um mercado que já está ficando saturado deles. Aqui o patchouli também aparece, o que horas me faz com que ele remeta ao Tom Ford Noir de Noir e outras horas a qualquer um desses montales com a combinação de rosas e oud clara, com a rosa mais evidente. Ótima performance, como todo perfume de oud, o que não dá para ser nesse caso um critério de destaque. A existência dessa composição não fede nem cheira para mim, nem odeio nem adoro e provavelmente daqui a alguns meses nem vou me lembrar mais dele. Desnecessário.