Pesquisar este blog

8 de mar de 2015

Sospiro Capriccio Fragrance Review

Português (scroll down for english version):

Novamente, entra em cena a mágica da marca Sospiro, parte das marcas da Xerjoff, em trazer para o mercado de perfumes caros o que já existe na perfumaria comercial. Para mim, é difícil ver essa estratégia sem ter críticas a ela. Eu não consigo entender, a não ser que você seja um colecionador de frascos caros, o apelo de comprar uma apresentação e embalagem exótica e cara e receber um perfume que eu ficaria muito surpreso se custou 10% do que é cobrado para ser feito. Sabe, é como você pagar pela embalagem de um chocolate Godiva e receber o conteúdo de um chocolate Pan. Qual o sentido, pagar caro por pagar? O resultado final não é ruim, mas o que vc recebe não é condizente com o que você gasta. Estruturalmente, esse perfume é para mim o Narciso Rodriguez. Como o Narciso, é um perfume fino, de aura radiante, cremoso, aconchegante. Uma mistura de patchouli, ambars luminosos e musk que troca as rosas sedosas por flores brancas também sedosas, de forma que não há uma diferença muito grande no resultado final. Como o Narciso, é um perfume suficientemente unissex pelo lado almiscarado e amadeirado (sem nuances secas) de sua aura. Eu gostaria de acreditar que há um custo maior na produção desse aqui, mas nem do ponto de vista criativo eu consigo justificar. É, basicamente, outro perfume de nicho/mais exclusivo feito para quem não quer usar o que qualquer pode usar sem se dar conta de que está sendo enganado e pagando mais caro pelo que muitos podem conseguir num preço mais acessível.

English:

Again kicks in Sospiro magic, one of Xerjoff brands, in bringing into the expensive perfume market what you find in the mainstream one. For me, it's hard to see this strategy without critics. I cannot understand, unless you are a collector of expensive bottles, the appeal of purchasing a beautiful and exotic presentation and receive a fragrance that i would be very surprised if it costed, in formula terms, 10% of what is charged. You know, it's like, in chocolate terms, paying for a Godiva (or other chocolates more expensive) package with a Hershey's content. what's the point, paying high just for pay? The final result is not bad, this is not the case, but what you receive is not consistent with what you expende. Structurally, this perfume is for me Narciso Rodriguez in the EDT concentration. Like Narciso, it has a radiant aura and conveys a creamy, cozy, exquisite aura, a mixture of patchouli, luminous ambars and musk that trade the silky roses here for white flowers as silk as the roses in a way that there isn't a huge difference at the final result. Like Narciso, it's a sufficiently unissex fragrance due the musky and woody (non dry) aura. I would like to believe that there is higher cost in the production of this one, but even from the creative point i cannot justify it for me. It's, basically, another exclusive/niche fragrance made for who doesn't want to wear what everyone can without noticing that it's being folled and paying high for what many can get at a more affordable price.