Pesquisar este blog

23 de mar de 2015

Prada no 9 Benjoin Parfum


Uma coisa que tenho notado na linha exclusiva de parfums da prada é a presença regular de materiais relacionados a laranjeira, que se não são o ator principal das composições desempenham papéis notáveis e importantes. Em Benjoin, o petitgrain de laranjeira parece completar uma composição de aura gourmand delicada, provendo-lhe um aroma cítrico, verde e levemente amargo. Essa criação de benjoin apenas sugere o lado mais incensado da nota e foca mais em suas nuances de baunilha, complementando-as com o que parece ser uma combinação macia e aconchegante de musk, baunilha e algum material que confere um aroma amendoado e com nuances de mel (o qual o petitgrain de laranjeira ajuda a realçar e complementar). Isso não está tão evidente na saída, que começa com um cheiro seco, que remete a cinzas e cigarro, mas que rapidamente se transforma no que muito me lembra o aroma abstrato dos confeitos italianos de amêndoas. É como se os tivessem feito utilizando laranja amarga no açúcar que envolve as amêndoas, levando assim a experiência olfativa para um contraste maior de aromas e sabores. Bem gostoso.