Pesquisar este blog

27 de jan de 2015

PK Perfumes Gold Leather Review


Português (scroll down for english version):

 Gold Leather é mais uma das maravilhosas criações do Paul Kiler, um perfumista autodidata que compartilha seus conhecimentos na seção do fórum faça você mesmo do basenotes, uma pessoa apaixonada por perfumaria e dedicada ao que cria. Uma coisa que me salta em seus perfumes é a complexidade das criações: não dá para ler ou esperar um perfume do Paul apenas pelas notas divulgadas, o resultado final é mais complexo do que elas e exige que você prove e preste atenção as evoluções na pele. Seu Gold Leather é interessante, um perfume de couro onde acontece tanta coisa que poderia ser uma criação vintage, mas que certamente tem uma aura moderna, brilhante e leve. Gold Leather começa com um aroma bem cítrico que lembra bastante o aroma de laranjas doces. Nessa primeira fase eu já noto o couro, um acorde de couro que me lembra mais camurça, com um quê de açafrão talvez e um lado levemente plástico que é bem legal, que remete ao aroma de plástico novo. Numa segunda fase, esse couro ganha um ar floral branco harmônico,para mim abstrato: é um aroma com um quê floral levemente verde, adocicado, que se mistura bem com o couro. As vezes durante essa fase floral surge um tom amendoado, que provavelmente se deve ao uso da tonka, que entra e sai de foco entre os aromas florais. Num último momento, a criação ganha uma base com um toque levemente retrô, que se encaixaria bem numa criação vintage: um aroma terroso, uma mistura de musgo, madeiras, ambar e um toque bem sutil animálico que funciona muito bem dentro da composição. São tantos pequenos detalhes que fica difícil para mim descrevê-lo totalmente: é uma complexa fotografia, onde de longe os elementos formam o aroma dourado de couro proposto mas que se você se aproxima percebe que há muita coisa a ser entendida por trás do que parece ser tão simples e harmônico.

English:

Gold Leather is another of the wonderful creations made by Paul Kiler, a self-taught perfumer that share his knowledges in the DIY section of the basenotes forum, a person passionate about perfumery and dedicated to what he creates. One thing that pops out to me in his perfumes is its complexity: you cannot read or expect something from a Paul fragrance just for the listed notes, the final result is more complex than they and demans you to try and pay attention to the evolutions on the skin. His Gold Leather is quite interesting, a leather creation that happens so many things that it could be a vintage creation, but that certainly has a modern, bright and light aura at the same time. It starts with a very citrus aroma that reminds me the smell of sweet oranges. At this first i already detect the leather, an accord that reminds me more of suede, with a pinch of saffron maybe and slightly plastic side which is quite cool, that reminds you the smell of new plastic. In a second phase, this leather gains an harmonic white floral aura, which is very abstract to me: is something floral with a green and sweet nuances that blends very well with the leather. Sometimes during this floral phase i detect an almond aroma, that probably is due the tonka, which seems to go in and out of focus between the floral aromas. In a last moment, the creation goes into a base which has a slightly retro touch, a base that would fit very well into a vintage creation: an earthy aroma, a mixture of moss, woods, ambar and a slightly animalic touch that works very well as a rounding note inside the composition. There are so many small details that is hard for me describe them totally: it's a complex photography, where at distance the elements make the golden leather suggested but one that if you go closer you see that there is much to be understood behind of what seems to be so simple and harmonic.