Pesquisar este blog

8 de mar de 2012

Gaiac - M. Micallef






Micallef Gaiac me encanta pelo contraste entre a delicadeza de seu aroma e rastro e o asspecto árido de seu cheiro, como se sua fragrância fosse durona e frágil ao mesmo tempo. É possível sentir na parte central de seu cheiro uma temátic aamadeirada seca, desempenhada basicamente pela madeira de gaiac e por um vetiver de nuances verdes em seu aroma, produzindo a impressão do aroma distante de madeira cortada, trazido pelo vento. Ao mesmo tempo há um delicado aroma doce, ligeiramente açúcarado e abaunilhado, com um toque de cravo e incenso que traz harmonia e complexidade ao lado amadeirado e adocicado discreto do cheiro. Por ser um perfume leve, que nunca fica muito intenso ou forte mesmo quando borrifado generosamente, acaba sendo uma opção boa e diferente para o verão.