Pesquisar este blog

1 de fev de 2011

The Scent of Peace - Bond No 9

Notas: Grapefruit, groselha, lírio do vale, musk, cedo

Não é fácil fazer um perfume marcante, que seja diferente do que existe no mercado. Não basta um preço alto, uma boa fixação, um frasco bonito ou até mesmo uma boa causa para se criar um perfume de qualidade, se este cair na armadilha de ser tão comum quanto o seu próprio shampoo e desodorante. The Scent Of Peace, cheio de boas intenções, não vai além delas na prática. Criado em 2006, para celebrar a paz em Nova York após o trauma que marcou a cidade com os atentados terroristas do 11 de Setembro de 2001, Scent of Peace é um perfume que deseja criar um floral primaveril que anuncia novos tempos. Mas suas intenções infelizmente não se concretizam devido a falta de criatividade e/ou coragem na criação do perfume.

Scent of Peace, provavelmente na tentativa de agradar a todos os gostos, cai na armadilha de ter sido concebido com uma fórmula extremamente parecida com um perfume altamente popular no mercado, Dolce & Gabbana Light Blue. Indo além disso, Scent of Peace transforma o já básico e manjado Light Blue num aroma digno de um desodorante ou shampoo. E isso suscita uma pergunta: você compraria um shampoo por 150 dólares pois o cheiro dele é bom? Se não, por que então comprar um perfume que custa mais de 150 dólares e tem cheiro de shampoo?

Scent of Peace cumpre o mínimo que se espera de um perfume que seja sem graça, tendo um cheiro razoável e uma fixação decente. Mas não passa disso. A abertura é composta de um cítrico genérico sintético e duradouro, misturado a um aroma frutal que parece ter sido retirado de Mure et Musc da L'Artisan. Conforme ele evolui na pele, sente-se o aroma floral fresco, ligeiramente verde, que misturado ao toque das frutas lembra muito o cheiro de um agradável shampoo. Após algumas horas na pele, tudo se resume a uma base genérica de um amadeirado sutil e um musk que parece ter um toque cítrico, estendendo o fresco da saída de uma forma mais quieta para a base.

É triste constatar que uma intenção boa, de criar um perfume que celebre a paz, termine em algo tão medíocre e imemorável. Scent of Peace não entrega o principal do que se espera de um perfume exclusivo e mais caro, a capacidade de criar um aroma com o qual você se identifique, que tenha elementos já conhecidos, mas que mesmo assim pareça novo, nem que seja apenas ligeiramente novo. Scent of Peace não acrescenta nada ao mercado a não ser um frasco bonito e um nome memorável. Isso infelizmente não parece paz olfativa, e sim morte de criatividade.

Um comentário:

GiGi disse...

Bem eu tenho muita curiosidade com Bond 9, mas esse não despertou meu interesse. Aliás como vc citou eu gosto do nome e da cor do frasco, mas parece que o perfume, ou seria "shampoo" é muito sem graça, e custando o que custa.... já desisti.
Bjos amigo e como sempre obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco e as vezes nos impedir de cair em roubadas.

Postar um comentário

Comentários com relação a postagem? Escreva aqui
Comments related to the post? Write them here